Cadastre-se agora e não perca nenhuma oferta

Cadastre-se agora

Máquina de cartão SafraPay é boa? Quais as taxas?

Felipe Felipe 17 jan 2020

No passado, o acesso ao cartão de crédito era algo bastante restrito e disponível apenas para alguns setores da sociedade. Nem todos conseguiam obter o crédito de forma fácil, seja pela impossibilidade de comprovar a sua renda e o seu patrimônio, ou pela dificuldade das linhas de crédito em encontrar as informações sobre aquela pessoa que solicitou o cartão.

Com a popularização dos cartões de crédito, foi necessário que as empresas buscassem novas opções de pagamento das compras para atender um número cada vez maior de clientes, que passaram a ter a opção de pagamento por débito (debitado na hora da conta corrente) ou no crédito (pagamento futuro). Comerciantes que antes não estavam preocupados com isso, como donos de pequenos e médios negócios, passaram a necessitar de máquinas de cartão e, assim, as vendas de maquininhas subiram muito.

Todavia, o crescimento econômico do Brasil no início do século transformou o cartão de crédito em um item obrigatório na carteira de quase todas as pessoas. Nesse período, inclusive, a inadimplência com cartões subiu de forma galopante, pois ainda era uma novidade fazer o uso do cartão, e nem todos utilizavam da maneira correta.

Tudo isso fez com que produzir maquininhas de cartão se tornasse um negócio lucrativo, pois havia todo um mercado praticamente inexplorado à espera para ser dominado. Nesse cenário, tornou-se muito atrativo e rapidamente se proliferaram muitas máquinas de cartão, conforme pode ser visto atualmente.

Receba novidades do Melhores Ofertas

Atendente segurando uma máquina de cartões, enquanto o cliente digita sua senha.
SafraPay não cobra aluguel dos usuários, muito menos pela venda da maquininha

Benefícios da maquininha SafraPay

A SafraPay é a maquininha de cartão produzida e oferecida pelo Banco Safra, que foi criada para mudar a forma de operar máquinas de cartão, no Brasil, ao rivalizar diretamente e de forma muito consistente com maquininhas já consolidadas no mercado há mais tempo, como a Moderninha PagSeguro e as máquinas Cielo. A simples concorrência já seria algo bom para o consumidor final, pois a “guerra entre as maquininhas”, como ficou conhecida, tornou muito mais acessível comprar uma máquina de cartão.

Porém, a Maquininha SafraPay foi além do óbvio e tratou de revolucionar o mercado de cartão de crédito, adotando a possibilidade de o cliente não pagar qualquer taxa fixa ou aluguel pelo seu produto, sendo possível pagar taxas apenas ao fazer uso da maquininha, algo que beneficiou diretamente as pequenas e médias empresas, assim tornando a vida do pequeno empreendedor menos complicada.

Embora muitas empresas adotem essa tática atualmente, quando o Banco Safra resolveu dar a simples possibilidade de o cliente não pagar uma taxa fixa mensal, houve bastante espanto por parte da sociedade e também por parte dos concorrentes, que teriam de fazer o mesmo ou algo parecido se quisessem manter a base de clientes que possuíam.

O que acontece com a maquininha SafraPay é que, caso você atinja um certo valor em vendas, fica automaticamente isento do aluguel. Só o fato de dar essa possibilidade ao pequeno empresário já facilitou muito a vida dos pequenos negócios, que agora saberiam quanto teriam de vender para não pagar o aluguel sobre a maquininha e se teriam ou não condições de possuir a máquina SafraPay – isso facilitou o serviço de contabilidade interna dos negócios, já que seria possível fazer previsões mais assertivas em relação aos custos.

A maquininha SafraPay ainda oferece taxa zero para vendas no crédito e no débito, desde que essas não ultrapassem R$ 50 mil mensais, algo que os pequenos negócios sequer sonham em faturar – por vezes, esse é o faturamento anual desses negócios. Abaixo, veja mais detalhes a respeito da maquininha SafraPay, além de informações de como adquirir o produto e como usar.

Como funciona a maquininha SafraPay

A maquininha SafraPay não se consolidou no mercado, mesmo saindo atrás das concorrentes, por acaso. O produto do Banco Safra é bastante completo, oferecendo ao usuário muitos tipos distintos de conexão. O aparelho dispensa o uso de celulares ou tablets, algo por vezes obrigatório para realizar transações em outras máquinas de cartão concorrentes.

A maquininha SafraPay atua de maneira totalmente independente, com Wi-Fi muito potente, além de conexões 3G e GPRS, já conhecidas do grande público que utiliza celulares. O chip para o uso da conexão 3G ou GPRS já acompanha a maquininha no momento da compra, não sendo exigido qualquer valor adicional.

Além disso, o plano de dados para o uso da internet também já está inserido no valor pago pela maquininha. Assim, no modelo com bobina é possível imprimir o comprovante na hora, enquanto no modelo sem a bobina o comprovante é enviado de forma gratuita para o cliente via SMS e e-mail.

Maquininha Safrapay
A SafraPay ainda oferece taxa zero para vendas no crédito e no débito, se não ultrapassem R$ 50 mil mensais

Receba novidades do Melhores Ofertas

As taxas da maquininha SafraPay

O usuário da maquininha SafraPay não paga as taxas por transação até que atinja R$50 mil em vendas no mês, algo bastante comum para pequenas empresas. Depois de ultrapassado esse valor, é cobrada uma taxa de 1,9%, no débito, e de 3% a 3,75%, no crédito, dependendo se o pagamento for à vista ou parcelado.

A SafraPay não cobra aluguel dos usuários e, de forma revolucionária, sequer cobra pela venda da maquininha. Porém, há uma cláusula para isso: é necessário que o usuário faça de R$3 mil a R$7 mil em vendas, por meio da maquininha, nos primeiros 40 dias corridos. Se o volume mínimo de vendas não for atingido nesse período, a maquininha será retirada e o usuário pagará R$100,00 ao Banco Safra.

Os modelos da maquininha SafraPay

São oferecidas três opções de maquininhas ao usuário SafraPay: sem bobina com conexão 3G, com bobina e com 3G, além de outro modelo sem bobina com conexão GPRS. A bobina serve para realizar a impressão do comprovante de pagamento na hora, enquanto a conexão 3G é mais veloz e estável que a conexão GPRS. Os tamanhos das maquininhas também mudam de acordo com as funcionalidades presentes no produto, sendo a maquininha 3G com bobina a mais robusta.

E, se você não quer arriscar perder suas vendas, uma boa alternativa para garantir sempre uma boa qualidade de conexão é optar pelo serviço de internet para o seu negócio, como os planos de internet do Melhores Ofertas. Confira detalhes.

Fique por dentro

Receba as Melhores Ofertas no seu e-mail.

icone newsletter

Notícias relacionadas